blog7

O machismo e a nova era do feminino

Por: Ramy Arany

Quando as mulheres eram reconhecidas como sábias e eram o comando de seus povos tudo era regido de acordo com seus direcionamentos. Os ensinamentos sagrados, a cultura e a educação de cada povo eram desenvolvidos na visão feminina. Porém, os tempos mudaram e as mulheres perderam a liderança e passaram a ser comandadas pelos homens, até chegarem à submissão. Não foi somente a liderança que foi invertida, ou seja, saiu da feminina e foi para a masculina, mas toda a cultura, educação, fundamentos, leis de todos os povos passaram para a visão e comando masculinos. Os homens não quiseram saber de mais nada que viesse das mulheres ou da visão feminina e a partir daí o mundo se tornou masculino e está assim até hoje.

Assim, a partir disto tudo parte da origem masculina de força, sendo que a evolução passa a ser responsabilidade dos homens (machos) que foram inventando, criando todo o sistema de desenvolvimento da existência humana atingindo até a própria natureza, que na verdade é a origem do ser humano.

As mulheres por sua vez, foram seguindo este sistema até as mulheres queriam muito mais e de forma mais acelerada poderem também retornar à sociedade de forma ativa através do trabalho profissional, pois a mulher sempre deu muito duro no sentido de trabalho, porém sempre no âmbito doméstico, além das camponesas que trabalhavam no campo e em casa sem serem reconhecidas. A partir disto a mulher começa a sentir na própria pele o que significa jornada “dupla”, “tripla” e etc. de trabalho, pois os homens aceitaram a mão de obra feminina porém não as dispensaram dos trabalhos domésticos que continuaram a ser exclusividade do universo feminino. Homem cuidando de uma casa e de filhos nem pensar! Problema das mulheres que querem trabalhar profissionalmente e serem independentes financeiramente, isto quando o dinheiro não era repassado ao homem (marido, pai, irmão) no fim do mês.

Os mandos e desmandos masculinos foram sendo popularmente chamados de “machismo” e “machista” o homem que tratava mal uma mulher ou o feminino em geral. Contudo, com a evolução natural das sociedades em geral muitas coisas foram mudando em relação às mulheres, principalmente no tocante às oportunidades. Porém, isto não bastava pois as mulheres queriam muito mais e de forma mais acelerada e assim, no século passado, algumas se revoltaram contra o machismo e fundaram o feminismo e partiram para a exigência da igualdade dos direitos entre homens e mulheres, principalmente a liberdade sexual. A partir daí as mulheres se deram o direito de disputar e competir com os homens pela liberdade e igualdade em todos os sentidos e os homens passaram a “ter” que aceitar esta situação mesmo mantendo o machismo até os dias de hoje, embora de forma mais velada.

This is image post

O machismo e a nova era do feminino

Observando todas estas questões, penso que as mulheres ao fundarem o feminismo somente fortaleceram o oposto do machismo sem, contudo, educarem, prepararem as mulheres nos fundamentos do feminino, pois afinal feministas ou não todas sofrem a influência de uma cultura masculina havendo desta forma a necessidade de um desenvolvimento do feminino a partir dele mesmo. As mulheres partiram para a igualdade com os homens e com isto fortaleceram o masculino em si mesmas. É comum hoje ouvirmos: “esta mulher é apenas um homem de saia; tem mulher que é pior do que homem, etc.”

Se toda a educação para o desenvolvimento da evolução feminina é fundamentada na cultura masculina não adianta o feminismo. O que é realmente é necessário é divulgar para as mulheres uma nova visão sobre o feminino para que haja o reconhecimento deste, pois ele foi por tanto tempo negado, esquecido e desconhecido às próprias mulheres que acabaram o rejeitando até hoje.

Para encerrar quero deixar alguns pontos importantes a serem considerados pelas mulheres:
   - a força feminina é muito forte
   - a força feminina tem sua própria individualidade
   - a força feminina é a origem da existência como um todo
   - a mãe-natureza é a própria força feminina
   - a natureza da força feminina é gestadora contínua
   - a força gestadora é força de construção
   - a mulher é uma líder natural